Connect with us

Colunistas

Leonardo Gonçalves reúne nomes do Gospel em canção manifesto “Messias”

Publicado a

em

Um dos maiores nomes da música cristã, o cantor Leonardo Gonçalves convidou outros expoentes do segmento na música de cunho político-religioso “Messias”. Com as participações de MNMC, Kleber Lucas, Clovis Pinho, Dona Kelly, Sarah Renata, Tiago Arrais e João Carlos Jr, a faixa une os artistas em uma sonoridade diferente do que o público está acostumado a ver. A música é um rap manifesto com versos que incitam reflexão sobre os lugares de raiva e rancor em que se encontram muitos dos que se dizem cristãos em meio ao momento político do país.

“No Cristianismo, acreditamos que há um só DEUS, que é o mesmo ontem, hoje e sempre; no entanto, admite-se que pessoas diferentes em lugares e contextos diferentes se aproximam deste DEUS de maneiras diferentes. É uma das explicações do porquê de haver tantas igrejas, denominações e linhas diferentes dentro do Cristianismo. O perigo ocorre quando destas linhas se quer única, silenciando e esmagando todas as outras possíveis formas de se ser

cristão. Essa canção celebra a diversidade. DEUS é um só, mas nós somos diferentes. E graças a DEUS por isso!”, reflete Leonardo Gonçalves.

“Messias” inicia com trechos de sermões dos pastores Nilson Gomes, Ed René Kivitz, Ricardo Gondim, Ariovaldo Ramos e Edson nunes Jr. e segue com um rap afiado, escrito por MNMC. A letra fala sobre o mundo em crise e incita a reflexão sobre o que Cristo faria no momento dicotômico atual, de acordo com o mandamento de amar ao próximo. O refrão é uma súplica, em coro, cantada por todos os artistas. Ao final da faixa, Leonardo Gonçalves faz um desabafo pessoal e busca a identificação de cristãos que se sentem como ele.

Confira os versos escritos por MNMC:

mundo em Cristo? não!

mundo em crise

me sinto Jesus tentado a se jogar dessa marquise

e o tentador? minha própria vaidade

querendo me convencer a ser o dono da verdade

só que a Verdade preferiu morte de cruz

do que viver aprisionado ao poder que o mal induz

é impossível ter o monopólio da luz

ela invade sala, cela, quarto, os olhos por trás dum capuz

abaixa a arma o mandamento é amar, não se armar

perdoa, Pedro, e deixa Cristo pôr sua orelha no lugar

pra ouvir, refletir, repensar

se sua atitude de votar tem sido pra legitimar

o ódio contra o seu semelhante

que deve ser acolhido mesmo pensando diferente

Evangelho ´né´ questão de esquerda ou direita

é questão de pensar se tô fazendo aquilo que Cristo faria e aceita

e a religião que DEUS Pai aceita é

aquela que cuida do órfão, do gay, do preto, da mulher

e já que é pra seguir o exemplo, então

é hora de nós expulsar esses mercadores do templo

Nome de destaque do Gospel, Leonardo Gonçalves soma mais de 415 milhões de visualizações no YouTube, onde tem 1.3 milhão de seguidores. No Spotify, são mais de 486 mil ouvintes mensais. Entre os destaques da carreira, coleciona certificações de Ouro no álbum de estreia “Princípio (Ao Vivo)”, Platina nos singles “Eu Me Rendo” e “Getsêmani” e Platina dupla na música “sublime”. Leonardo foi indicado ao Grammy Latino 2021 na categoria “Música Cristã em Língua Portuguesa”, pelo seu último álbum, “Sentido”.

Continue Lendo
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mais Lidas

© Todos os direitos reservados