Vou Zuar alcança um milhão de visualizações no clipe single “Não mando em mim”

A faixa contou com a participação do cantor Ferrugem e faz parte do primeiro DVD do grupo, “Nosso Salseiro”

 

Fotos: Sandro Mendonça/Close Produtora

“Queria poder te arrancar do meu peito, eu não aceito sofrer desse jeito. Não era pra ser assim, mas eu não mando em mim”. É com esse refrão chiclete que o Vou Zuar, com a participação do cantor Ferrugem, ganhou as rádios do Brasil com o single “Não mando em mim”, faixa de lançamento do primeiro DVD do grupo, o “Nosso Salseiro”. Segundo o Connect Mix – que registra as métricas musicais das rádios brasileiras –, a música ganhou o primeiro lugar no Rio de Janeiro, Santa Catarina e Rio Grande do Sul e segue em destaque entre as cinco primeiras em todo Brasil. Além disso, acabou de alcançar um milhão de visualizações no videoclipe, disponível no YouTube (https://www.youtube.com/watch?v=dHMLUkoEMUI).

O quinteto formado por Carlos Vieira, Thiago Paiva, Bruno Paiva, Brenno Souza e Vitor Naegele, decidiu reunir em vídeo suas músicas de sucesso como “Salseiro”, “Chato pa carai” e “Apertadin”, além de outras treze canções inéditas nesse novo projeto, gravado em maio deste ano na Ilha Itanhangá, no Rio.

O Vou Zuar começou sua carreira, há nove anos atrás, em Niterói, cidade fluminense do Rio de Janeiro. Já tem quatro álbuns na bagagem e sucessos como “Salseiro”, “Chato pa carai” e “Apertadin”, além de parcerias com grandes artistas como Thiaguinho, um bloco de carnaval que reúne mais de 50 mil pessoas e participação no projeto “Churrasquinho do Menos é Mais”, que é o vídeo de pagode mais assistido da história no YouTube.

“A música superou as nossas expectativas. O lançamento foi incrível e o resultado mais ainda. Impossível não cantar o refrão! Fora a participação do Ferrugem, que é nosso amigo e deu ainda mais tom a esse single”, conta Thiago.

“Não mando em mim”, que é uma composição de Cleitinho Persona, BG e Rodrigo Oliveira, já está disponível nas plataformas digitais de música e no YouTube. A distribuição é da gravadora Virgin Music Brasil, através do selo GH Records.

“A música é linda, romântica e tem um refrão que é impossível não cantar. Temos certeza que muitas pessoas vão se identificar e transformá-la até em trilha sonora. Já virou um hit e ainda nos presentou com esse um milhão de vies ”, finaliza Carlinhos.