A Canção da Resiliência e a Batida da Superação de Mc Lebinho

Gabriel Dias, natural de Ribeirão das Neves, MG, desponta aos 21 anos como Mclebinho, um cantor e compositor cuja carreira de 12 anos reflete não apenas a maestria musical, mas uma incrível jornada de desafios e ressurgimentos.

Por Joacles Costa

Mclebinho, inicialmente apaixonado pela dança, encontrou seu chamado na música em 2013, aos 11 anos, sob a orientação de seu irmão mais velho, já imerso na cena musical. A ascensão começou modestamente com vídeos na laje de casa, mas em um estúdio musical, um empresário reconheceu um talento excepcional.

Naquele momento, recebi uma música para cantar. Quando soltei a prévia, a explosão foi instantânea, vejo potencial para me destacar em diversas áreas. A música é mais que um sonho; é um amor que quero viver para sempre,” disse Lebinho.

Foto de divulgação/Mc Lebinho
Foto de divulgação/Mc Lebinho

A trajetória ascendente culminou no lançamento de “Mc Lebinho do Pelo em Vim no Pelo eu Vou“, conquistando 100 mil visualizações em um mês, catapultando-o para o cenário nacional e rendendo convites notáveis, incluindo uma estada de uma semana na mansão do renomado Dj Marlboro.

Contudo, o sucesso não foi imune a adversidades. O Mc enfrentou a traição de uma gestão gananciosa, resultando na proibição de sua carreira por parte da família. Uma reviravolta se deu em 2019, quando retomou seu caminho em São Paulo, colaborando com a artista Natty Hills.

“São Paulo representou um recomeço. Fui acolhido pelo público LGBT, tornando-os minha base de fãs principal,” explicou Lebinho.

O ápice chegou com uma apresentação no programa de Marcos Mion, onde um diretor da Globo o elogiou e o convidou para se apresentar no Projac, abrindo portas para novas oportunidades.

Foto de divulgação/Mc Lebinho
Foto de divulgação/Mc Lebinho

Com o apoio de Gerlan, “Grandão da Mansão,” Mc Lebinho lançou “Paga de Superada,” já viralizando, e adentrou o estilo Piseiro com colaborações de destaque, vislumbrando um futuro multifacetado além da música. Em seu contínuo percurso artístico, Lebinho não é apenas um intérprete, mas um arquiteto sonoro que constrói melodias de esperança e superação. Seu retorno triunfal à cena musical, marcado por colaborações estratégicas e uma incursão promissora no estilo Piseiro, solidifica Mclebinho como um nome multifacetado.   Sua mais recente criação, “Paga de Superada,” não é apenas uma faixa envolvente, mas uma afirmação de resiliência e autoafirmação.

’Cada nota, cada verso é uma parte de mim. Paga de Superada é mais que uma música; é uma celebração da minha jornada e uma mensagem de empoderamento. A música é um fio condutor que conecta meu passado, presente e futuro, e estou ansioso para explorar novos horizontes artísticos,” completou ele.
Foto de divulgação/Mc Lebinho
Foto de divulgação/Mc Lebinho

Mc Lebinho não apenas molda seu destino na indústria musical; ele redefine os limites da expressão artística, desafiando as expectativas e inspirando outros a seguirem suas paixões. A trajetória dele é uma sinfonia de perseverança, e cada acorde ressoa como um lembrete de que, na música e na vida, a resiliência é a chave para transformar desafios em triunfos e é mais que uma narrativa musical; é uma crônica de resiliência, determinação e reinvenção. Sua música transcende barreiras, e suas experiências, agora entrelaçadas com sua arte, ecoam como um hino de superação, inspirando aqueles que buscam seus próprios caminhos para o sucesso.

Instagram: https://www.instagram.com/mclebinhoofc/

YouTube: https://www.youtube.com/watch?v=sh1FFbVJnWQ