Como valorizar os ambientes da sua casa com Quadros Criativos

Se você está com a ideia de mudar a decoração da sua casa, saiba que não é preciso desembolsar um dinheirão para isso! Você deve estar se perguntando “como assim?”.

E a resposta é simples: usando Quadros Criativos! O uso de quadros decorativos nos projetos de decoração além de dar aquele charme no visual do ambiente, ajuda a transmitir a personalidade dos moradores da casa.

No post de hoje vamos falar tudo sobre os quadros decorativos e por quê você deve investir neles.

As vantagens de usar quadros decorativos

Os quadros decorativos são itens perfeitos para mudar a decoração de qualquer ambiente sem precisar passar pelos transtornos de uma reforma ou investir muita grana. E o mais legal de tudo é que hoje em dia você consegue encontrar vários modelos de quadros decorativos disponíveis no mercado, o que permite mais opções de escolha para encontrar um que harmonize com a sua decoração.

Eles também são extremamente versáteis, pois além da parede, há a possibilidade de colocá-los em: prateleiras / bancadas / nichos / aparadores / encostados à parede

Sem falar que possuem a vantagem de transformar qualquer espaço, desde uma sala de estar, até um hall de entrada, corredores e vãos de escada. Os quadros são peças indispensáveis em qualquer estilo de decoração e são ótimos para ampliar o espaço em cômodos pequenos.

Portanto, se a sua intenção for essa, é interessante que esse o quadro não ocupe toda a extensão da parede – para não criar uma atmosfera claustrofóbica em cômodos mais compactos.
Para cômodos amplos, os quadros de grande extensão estão liberados e diga-se de passagem, em alta nas decorações.

Como escolher quadros os decorativos para cada ambiente da casa
Escolher os quadros decorativos não é uma tarefa difícil, mas é necessário ter atenção em alguns detalhes do ambiente, para que os quadros decorativos fiquem harmônicos com o restante da decoração e o ambiente fique bonito e agradável.

Contudo, antes de comprar os quadros você deve analisar algumas questões: tipo de decoração do local / tamanho das paredes / mensagem que a arte deseja transmitir / o cômodo onde o quadro vai ficar

Todas essas questões influenciam na escolha, para que o conjunto do ambiente fique em equilíbrio.

Vale lembrar também que é fundamental ser cuidadoso na hora de escolher o conteúdo das imagens, elas devem seguir os gostos dos moradores e não constranger as visitas, ou conter imagens negativas ou violentas – que podem afetar o emocional das pessoas de acordo com o feng shui – técnica chinesa de decoração.

Outra questão importante são os excessos, pois mesmo que os quadros decorativos sejam ótimos aliados na decoração de um ambiente, todo o conjunto deve ser pensado e analisado – desde os móveis até os outros elementos decorativos.

Busque a harmonia entre as cores e os tamanhos para manter o equilíbrio visual e não deixar a composição muito carregada.

Combinando quadros com a decoração do seu lar

A combinação dos quadros com as tonalidades das paredes é fundamental para criar um visual agradável e elegante.

Mesmo que o mais comum seja usar cores que são complementares, é possível criar combinações muito bonitas mesmo com uma paleta de cores contrastantes. Isso também fica na questão da personalidade do morador, se é adepto à ousadias decorativas, ou prefere algo mais clássico.

Uma sugestão bacana é optar por quadros em tons claros sobre uma parede de cores mais vibrantes ou manter a mesma paleta de cores nos dois elementos para não ficar em desarmonia.

Para os mais clássicos, também é possível agrupar os quadros no lado oposto à superfície colorida, escolhendo imagens que contenham detalhes nos mesmos tons da parede. Essa solução deixa o espaço muito mais harmonioso.

Quatro dicas para usar quadros decorativos com charme e elegância!

Ao optar por decorar seu ambiente com quadros, saiba que as opções são praticamente infinitas, veja só: imagens / frases / fotografias / telas / pinturas realistas / pinturas abstratas / paisagens

E independente do tipo de arte escolhida eles farão toda a diferença porque os quadros transmitem mensagens e despertam reações e sentimentos que vão sendo conectados ao restante da casa.

Quadros decorativos precisam refletir sua personalidade

Manter a sua personalidade acima no espaço deve ser uma premissa, porque um quadro pendurado na parede pode dizer muito sobre quem mora ali, ele deve ter uma mensagem que você deseja transmitir.

Para deixar seu ambiente com uma identidade única, imprimir a sua personalidade na composição dos quadros decorativos é fundamental, senão você não vai ter identificação pessoal com o ambiente que habita.

Por isso, escolher quadros com valor sentimental, que contam uma história e transmitem emoções para você e os visitantes que chegarem ao seu lar com certeza vai ajudar, a criar memórias bacanas e aquele sentimento de pertencimento.

2. Nem só na parede os quadros decorativos vivem!

A versatilidade dos quadros decorativos nos ambientes é poder expô-los das mais variadas maneiras e não somente na parede.

Se você mora de aluguel, e não quer causar danos à parede, usar a fita dupla face ou de silicone pode ajudar, no caso de placas decorativas de MDF e quadros mais leves, que não possuam moldura e vidro.

Outra ideia seria apoiar os quadros em móveis, como aparadores e bancadas ou no chão, encostado à parede. Dá um ar super moderno. Você também pode utilizar prateleiras, nichos ou cantoneiras, que não atrapalham também a circulação.

3. A composição de quadros precisa de uma altura específica

Ao optar por decorar com quadros, a harmonia do ambiente faz a diferença.

Com quadros em composição, eles não podem estar mal posicionados, pois assim eles passam uma ideia de desconforto.

Qualquer composição de quadros precisa estar numa altura ideal e com um alinhamento bem calculado. Essa altura é em média de 1,60 m – medindo do chão até o centro do quadro.

Essa medida específica permite que a maioria das pessoas observem a obra de uma maneira confortável.

Já ao serem colocados próximos aos móveis:
sofás ou aparadores – distância deve ser entre 20-25 cm
acima da cama com cabeceira – distância deve ser entre 20-25 cm
sem cabeceira – a altura deve ser de 60 cm, partindo do contando do chão
em escadas – os quadros devem acompanhar a sua inclinação.

4. Você pode personalizar seus quadros de acordo com o ambiente
Certos ambientes específicos, como: cozinha / banheiro ou lavabos / área de lazer / hall de entrada / churrasqueiras

Podem usufruir de quadros personalizados e temáticos de acordo com o cômodo.

Na cozinha eles podem ficar em paredes vazias ou apoiados nas prateleiras, tendo frases e imagens relacionadas à gastronomia ou culinária.